O encenador da peça “Catarina e a Beleza de Matar Fascistas”, Tiago Rodrigues, acredita que ainda há ecos do fascismo em Portugal, reverberados na presença de parlamentares de extrema-direita no cenário político nacional. Apesar de um passado onde artistas portugueses…

Voltar ao topo